Christine


Título Original: Christine


Título Traduzido: Christine (1983Presente)


Ano de Publicação: 1983


Páginas: 616 (Edição de 2013 – Suma de Letras)


Tradução: Louisa Ibañez


Data de Publicação nos EUA: 29/04/1983


Personagens: Arnie Cunningham, Roland D. LeBay, Dennis Guilder, Leigh Cabot, Christine


Conexões: ———


Personagens Citados: ———


Sinopse: Arnie Cunningham é um perdedor. Típico adolescente importunado pelos valentões do colégio, o jovem encontra consolo quando compra, por meros 250 dólares, um Plymouth Fury 1958 aos pedaços, chamado carinhosamente de Christine pelo antigo dono. Enquanto reforma o carro, Arnie percebe três coisas: que não precisa mais usar óculos; que as espinhas dele estão desaparecendo e que as pessoas que o importunavam estão morrendo. Nos corpos das vítimas, marcas de pneus.


Adaptações: Christine: O Carro Assassino (1983)


Derivados: ———-


Disponível no Brasil pelas Editoras: Francisco Alves (1983); Nova Cultural (1986); Objetiva (1998); Planeta DeAgostini (2004); Ponto de Leitura (2011); Suma de Letras (2013)


CURIOSIDADES

– O livro é dedicado ao diretor George Romero e (coincidentemente) à esposa dele, Christine.

– King se inspirou no filme “Carro: A Máquina do Diabo” (1977) para escrever o romance.

– No episódio de estreia da terceira temporada de “Futurama”, o personagem Bender se transforma em uma espécie de “lobisomem motorizado” após ser atropelado por um Plymouth Fury vermelho. Já no terceiro episódio da quarta temporada, Fry lê um pedaço do romance Christine em uma paródia de “O Mágico de Oz”.

– Em um dos gibis de “Os Simpsons”, Christine é parodiada numa história intitulada “Krustine”.

– Os jogos de RPG “Shin Megami Tensei II” e “Shin Megami Tensei II: If…” apresentam um demônio em forma de carro vermelho chamado “Chris The Car”.

– O autor R. L. Stine, famoso pelos livros da série Goosebumps, escreveu um livro com uma premissa parecida com a de Christine, intitulado “The Haunted Car” (O Carro Assombrado).

– No nono episódio da sexta temporada da série “Malcolm in the Middle”, intitulado “Malcolm’s Car” (O Carro de Malcolm), o protagonista quase morre no próprio automóvel após dizer que eles deveriam ficar juntos, enquanto o interior do veículo se enche lentamente com monóxido de carbono. Mais tarde no episódio, Hal recorda-se de ter tido o antigo carro dele roubado; um Plymouth Fury.

– Christine é uma das vilãs que fazem parte do exército do mal visto no episódio “Imaginationland” (temporada dez, episódio 11) do desenho “South Park”.

– No quinto episódio (“The Boogieman”) da terceira temporada do seriado “Contratempos”, Sam acaba se encontrando com um romancista aspirante chamado “Stevie”. Eles passam por momentos assustadores. Em cada um deles, “Stevie” exclama “Mas que grande ideia!”, o que inclui a aparição de um Plymouth Fury 58 vermelho. Sam quase bate o veículo, afirmando que “era quase como se o carro estivesse dirigindo sozinho”. No fim do episódio, a mãe de “Stevie” é identificada como “Sra. King”, sugerindo que o personagem era ninguém menos do que o próprio Stephen King durante a adolescência, e que boa parte dos livros dele foi inspirada em aventuras que teve viajando no tempo.

– No segmento “Trycicle of Terror” (Triciclo do Terror) do desenho “As Terríveis Aventuras de Billy & Mandy”, Billy adquire um triciclo que atropela quem quer que o xingue.

– Talvez outro seriado que tenha se inspirado em Christine é “Star Trek: Voyager”. No episódio cinco da 6ª temporada, Tom compra uma nave possuída chamada “Alice”.