A Hora do Lobisomem


Título Original: Cycle of the Werewolf


Título Traduzido: A Hora do Lobisomem  (1987Presente)


Ano de Publicação: 1985


Páginas: 152 (Edição de 2017 – Suma de Letras)


Tradução: Regiane Winarski


Data de Publicação nos EUA: 09/04/1985


Personagens: Marty Coslaw, Kate Coslaw, Lester Lowe, Al Coslaw, Clyde Corliss, Brady Kincaid


Conexões: ———-


Personagens Citados: ———-


Sinopse: É época de lua cheia na pequena cidade de Tarker’s Mill, no Maine. Um uivo tenebroso no meio da noite alerta os cidadãos do perigo. Mês a mês, eles percebem que o número de habitantes vem caindo. O responsável é um lobisomem sedento de sangue, que vai enfrentar o maior adversário dele na figura de Marty Coslaw, um menino de dez anos preso a uma cadeira de rodas.


Adaptações: A Hora do Lobisomem (1985)


Derivados: ———-


Disponível no Brasil pelas Editoras: L&PM (1987); Suma de Letras (2017)


CURIOSIDADES

– O livro é dedicado por King em memória do autor Davis Grubb.

– A princípio, o livro foi publicado em 1983. Ele, todavia, chegou ao mercado numa edição limitada, ganhando um lançamento em massa apenas na edição de brochura em 1985.

– O romance começou na forma de vinhetas em um calendário especial produzido para a Zavista, em parceria com o artista Bernie Wrightson. Contudo, o sempre prolixo King achou complicado escrever uma narrativa no formato de frases curtas para cada mês do ano. Ele resolveu, assim, transformar a ideia em um romance completo (que seria ilustrado, preservando a parceria com Wrightson).

– É o romance mais curto de Stephen King.

– Ciente das inconsistências que sua história carrega no tocante ao ciclo lunar, King escreveu no posfácio do livro um pedido de desculpas pela licença criativa.


CURIOSIDADES COM SPOILERS

– No capítulo em que Neary é morto pelo lobisomem, King descreve que o homem estava sentado numa caminhonete Dodge. Alguns parágrafos depois, contudo, ele muda o veículo para uma picape.

– Nos primeiros capítulos do livro, King descreve o lobisomem como possuindo olhos amarelados. Mais tarde, a coloração é alterada para verde. O reverendo Lowe, a verdadeira identidade do lobisomem, possui olhos castanhos. O artista Bernie Wrightson preferiu ilustrar a criatura com olhos verdes.