A Maldição


Título Original: Thinner


Título Traduzido: A Maldição do Cigano (19912010); A Maldição (2012Presente)


Ano de Publicação: 1984


Páginas: 288 (Edição de 2012 – Suma de Letras)


Tradução: Loiusa Ibañez


Data de Publicação nos EUA: 19/11/1984


Personagens: Billy Halleck, Heidi Halleck, Taduz Lemke, Richie Ginelli


Conexões: ———-


Personagens Citados: ———-


Sinopse: Billy Halleck, um obeso e bem-sucedido advogado, escapa da balança da Justiça comprando o próprio julgamento após atropelar e matar uma mulher. Na saída do tribunal, ele é tocado por um misterioso homem que profere as seguintes palavras: “mais magro”. Com o passar dos dias, Billy vai emagrecendo. O que parecia uma bênção logo se transforma numa corrida contra o tempo para encontrar o responsável pela maldição, pois Billy percebe que a perda de peso não vai cessar até que dele só sobrem os ossos.


Adaptações: A Maldição (1996)


Derivados: ———-


Disponível no Brasil pelas Editoras: Francisco Alves (1991); Objetiva (2001); Planeta DeAgostini (2004); Ponto de Leitura (2010); Suma de Letras (2012)


CURIOSIDADES

– Dedicado à esposa fictícia de Richard Bachman, Claudia y Inez Bachman (mas provavelmente com Tabitha King em mente).

– Este foi o fatídico livro que culminou na exposição de Stephen King como Richard Bachman. Na época do lançamento do romance, a mídia já comparava o estilo de escrita dos “dois autores”, mas foi apenas quando Stephen Brown, um rapaz que trabalhava numa livraria, encontrou evidências de que o nome de King estava relacionado aos direitos autorais de A Maldição, durante uma busca na Library of Congress, que o segredo foi finalmente revelado.

– Após a descoberta de que Stephen King era Richard Bachman, as vendas de A Maldição decuplicaram.

– King se sentiu inspirado a escrever o livro após um exame médico constatar que ele estava acima do peso. Ele pesava 107 kg quando foi avisado por seu médico de que precisava perder peso e parar de fumar urgentemente. Parte da “inspiração” também se deu pela raiva do autor ao se sentir obrigado a perder peso, em vez de emagrecer por decisão própria. A falta de controle sobre o emagrecimento é o que dirige a história de Billy Halleck.

– Inicialmente, o romance tinha o título de “Gypsy Pie” (“Torta Cigana”).

– Em um dos diálogos, o médico Mike Houston acusa Billy Halleck de reagir como se estivesse “em uma história de Stephen King”.