N.


Título Original: N.


Título Traduzido: N.


Páginas: +/- 30


Tradução: Érico Assis


Arcos: 01


Edições: 04


Personagens: Johnny Bonsaint, Sheila Bonsaint, N. Nash, Andrew Ackerman


Editora: Marvel


Núcleo Artístico: Stephen King (direção), Marc Guggenheim (roteiro), Alex Maleev (arte)


Sinopse: Sheila Bonsaint escreve uma carta ao amigo Charlie contando sobre a recente morte de seu irmão, um psiquiatra chamado Johnny. Sheila acredita que a morte de Johnny não foi acidental, mas suicídio, e que ela está ligada a um dos pacientes dele; o misterioso “N.”. Conforme anotações deixadas por Johnny, “N.” descobriu um círculo de sete pedras no interior do Maine que era, na verdade, um portal para criaturas monstruosas de outra dimensão. Se as pedras não fossem contadas religiosamente, o portal se abriria, mas o peso da responsabilidade vai consumindo a sanidade do guardião do lugar.


Disponível no Brasil pelas Editoras: Darkside (2018)


ARCOS



CURIOSIDADES

– Na primeira edição, é dito que a casa dos Ackerman fica na cidade de Motton, vizinha a Chester’s Mill (Sob a Redoma).

– O roteirista Marc Guggenheim toma algumas liberdades para estender a história escrita por King. Detalhes do passado do campo Ackerman, assim como o que acontece quando Charlie Keen chega ao local, são ideias do próprio Guggenheim.

– Guggenheim também ficou responsável por criar a história dos 25 capítulos da websérie “N.”, que foi lançada antes da HQ e da antologia Ao Cair da Noite.